Goiânia, tera, 22 de maio de 2018
08/01/18 4180 visualizações

Cármen a Marconi: festa com drogas em presídio é 'inaceitável'



Marcelo Dantas/ O Popular

A presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) e do CNJ (Conselho Nacional de Justiça), ministra Cármen Lúcia, disse nesta segunda-feira, 8, durante reunião sobre a crise no sistema prisional de Goiás, ser "inaceitável" que um presídio do Estado permitisse que presos realizassem uma festa regadas a drogas e álcool filmada pelo telefone celular de um detento.

Segundo a reportagem do UOL, a declaração da ministra foi após ouvir relato da juíza Telma Aparecida Alves, da 1ª Vara de Execução Penal de Goiânia, que narrava o fato às autoridades presentes. 

"Você está me dizendo isso na frente do governador [de Goiás, Marconi Perillo] e de outras autoridades locais? Essa situação é inaceitável", declarou Cármem olhando para Perillo. 

Durante a reunião, a presidente do STF cobrou ações pontuais do governo de Goiás e do Poder Judiciário no Estado para resolver a crise do sistema penitenciário. O Poder Judiciário informou que irá fazer um cadastro de todos os presos. A ministra voltará a se reunir com Marconi no dia 9 de fevereiro, em Goiânia, para averiguar o que foi feito no período. 

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias