Goiânia, quarta, 18 de julho de 2018
09/07/18 6201 visualizações

População de Uruaçu se revolta com prefeito e Marconi Perillo





Em mais uma visita dessas sem nenhum resultado prático, o governador José Eliton (PSDB) esteve no Norte do Estado na última quinta-feira, 05, para ‘inaugurar’ a primeira fase das obras do Hospital Regional de Uruaçu, que não está pronto, portanto, não vai atender ninguém, mas foi ‘inaugurado’ pelo governador e pelo ex-governador Marconi Perillo. 

A população da cidade ficou revoltada com o ato por dois motivos. Descobriu que a inauguração foi apenas de mentirinha, já que o próprio governador disse que somente daqui a dois meses é que devem estar concluídas as obras. Isso mesmo, devem estar. Ele não deu garantias nenhuma da conclusão da obra que já se arrasta há mais de 15 anos.

O outro motivo da irritação da população é que, atendendo pedido da deputada Eliane Pinheiro e do prefeito Valmir Pedro, a unidade de saúde foi batizada de Maria Pires Perillo, que vem a ser a mãe de Marconi Perillo. Com todo respeito à Dona Maria, mas ela, quando viva, sequer sabia onde fica Uruaçu.

No entanto, numa ação para puxar o saco de Marconi, Eliane sugeriu esse nome, o prefeito acatou e mandou projeto à Câmara Municipal, que aprovou a ideia. Tudo isso em detrimento ao nome e à memória da ex-prefeita Marisa Santos, idealizadora do projeto e que fez as primeiras movimentações para que o hospital se tornasse realidade.

A revolta da população atingiu em cheio o prefeito Valmir Pedro, que desconsiderou toda a luta de Marisa para que o hospital fosse construído em Uruaçu. Inclusive, na época, houve uma tentativa de tirar a unidade de saúde de lá para Alto Horizonte, mas acabou ficando mesmo em Uruaçu.

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias