CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
SEXTA-FEIRA, 22 DE OUTUBRO DE 2021
ULTIMA NOTÍCIA:
TSE torna privado processo que discute provas de invasão Hacker ao seus servidores !
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Goiás
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Goiás
  Goiás
 
Durante CEI da Saúde, Iris Rezende defende secretária da pasta e diz que irá atuar para corrigir problemas
Data Publicação:27/04/2018
O prefeito de Goiânia Iris Rezende (MDB) prestou depoimento na Comissão Especial de Inquérito (CEI) que apura irregularidades na Saúde da capital, nesta sexta-feira (27). Durante sua fala ele defendeu a chefe da pasta, Fátima Mrué, e disse que irá atuar para corrigir os problemas apontados.

“Nós estamos agindo diuturnamente para corrigir todas essas distorções. Deixo livre, não só à Câmara, mas a qualquer cidadão de Goiânia que notar qualquer passo em falso, que me comunique. Eu nunca deixei de tomar atitude imediatamente”, afirmou.

Os vereadores que fazem parte da CEI o questionaram sobre máquinas de raio X que estão guardadas no almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS) enquanto a prefeitura paga pelo serviço. Eles também relataram que a Comissão apurou leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ficam ociosos e faltam ambulâncias para atender à população.

Prefeito de Goiânia Iris Rezende (MDB) durante depoimento na CEI da Saúde (Foto: Walissy Dias/Prefeitura de Goiânia) Prefeito de Goiânia Iris Rezende (MDB) durante depoimento na CEI da Saúde (Foto: Walissy Dias/Prefeitura de Goiânia) Prefeito de Goiânia Iris Rezende (MDB) durante depoimento na CEI da Saúde (Foto: Walissy Dias/Prefeitura de Goiânia) “Ele não justificou as irregularidades e não explicou por que essas irregularidades continuam existindo. Um exemplo é ter essas máquinas de raio X encaixotados enquanto a prefeitura paga pelo serviço. Nesse período já gastamos R$ 12 milhões”, disse o relator da CEI, vereador Elias Vaz.

O prefeito afirmou que as denúncias de irregularidades apuradas pela Comissão serão apuradas. O administrador disse ainda que enviou documentação para o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) relativas às questões levantadas na CEI para também serem apuradas pelo órgão.

Ao defender a secretária Fátima Mrué, Iris afirmou que ela foi escolhida para administrar a pasta por sua capacidade e por não estar vinculada a nenhum grupo político.


Fonte:https://g1.globo.com



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Inscrição Aberta - Bolsa Universitária - ProBem/Ovg
- Em Goiás, professor temporário e valorizado!
- Idosos atendidos pela OVG são imunizados contra Covid-19
- Enel ; Persona non Grata em Chapadão do Céu
- Renovação de bolsas de estudo do governo de Goiás vai até 31 de janeiro
- Goiás deve receber cerca de 150 mil doses da vacina de Oxford ainda em janeiro
- Governo de Caiado supera gestão de Marconi Perillo em Credibilidade
- Projeto Carteira CNH Social
- Sanddro lib, informa que prefeitura de Hidrolândia e responsavel por indenizar empresas fechadas
- Denúncias de assédio por João de Deus geram medo em cidade do interior Goiás
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Goias Real - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2020.